terça-feira, maio 31, 2005

Ladies and Gentlemen...

... It's The Muppets' Show!!!
A
BEAKER
A

A

Beaker is the loyal assistant to Dr. Bunsen Honeydew of Muppet Labs. Although some might regard Beaker as a guinea pig for his boss’ inventions, Beaker takes solace in the fact that he is an instrumental part of the team. (He also takes solace in his very generous medical insurance plan.)

A

Dr. Bunsen Honeydew

A

A
The head of Muppet Labs, Dr. Bunsen Honeydew has devoted his life to creating inventions that most people were never aware they needed. Whether developing the gorilla detector or the banana sharpener, Dr. Honeydew is always working to make the future a better (and more complicated) place.
A
A
looooolllllllll
A
Beijo-vos a TODOS, J.
(Qualquer semelhança... será pura coincidência? ;o))

quarta-feira, maio 25, 2005

Faltou-me um bocadinho assim: 0,03%!

(Dos outros 6,8%... já sabia!!! Só não queria estragar a...

... SURPRESA!!!)

_________________________


Novamente um e-mail recebido que merece mais do que reencaminhamento: merece ser publicado!!!
A
E mais uma vez... OBRIGADA, Ana Marta! ;o)
_________________________
"Vítor está preocupado com o estado financeiro do País e com os gasto do Estado. Volta a dizer que estamos de tanga.
A
Vítor, também conhecido por Constâncio, está há muito à frente do Banco de Portugal. Em sua casa entram mais de 25.000 euros mensais.
A
O governo do PSD/CDS de Durão Barroso permitiu-lhe que continuasse à frente do Banco de Portugal, desde que viesse de tempos a tempos alertar os portugueses (só os que pagam impostos) de que é preciso apertar o cinto.
A
E Vítor cumpriu meticulosamente a sua função, defendendo com unhas e dentes o Discurso da Tanga, versão I, de Durão e Manuela Leite.
A
Santana e Bagão manteviveram-no no Poder e ele também cumpriu.
A
Agora, está de novo o seu PS no Poder e Sócrates fartou-se de fazer promessas de que não havia aumento de impostos e haveria aumento de empregos e alteração da Código do Trabalho do Bagão. Eram promessas só para serem metidas na gaveta mais tarde.
A
Mas Sócrates não quer assumir a responsabilidade da versão II do Discurso da Tanga já antes das eleições autárquicas.
A
Por isso pediu ao seu amigo Vítor, que viesse ele a público dizer que isto está mesmo mal e apelar ao Presidente da República para intervir a convencer os portugueses (sempre os mesmos do costume, claro) a apertarem ainda mais o cinto.
A
Alguém ouviu o Sr. Vítor apelar a que não construíssem 10 estádios de luxo do Euro 2004, pagos quase exclusivamente pelo Estado e autarquias e aprovados por Sócrates como Ministro do governo Guterres?
A
Alguém ouviu o Sr. Vítor apelar aos governos para que não comprassem submarinos por causa da crise?
A
Alguém ouviu o Sr. Vítor pedir aos governos que não comprassem ou adiassem a compra de centenas de blindados e helicópteros de guerra de último modelo?
A
Alguém ouviu o Sr. Vítor a chamar a atenção para que o TGV é um luxo de centenas de milhões para o estado do País?
A
Alguém ouviu o Sr. Vítor apelar aos governos para serem inflexíveis contra a gigantesca fuga aos impostos dos que mais ganham e que atinge milhares de milhões?
A
Alguém ouviu o Sr. Vítor apelar aos senhores administradores das grandes empresas, pagos a valores iguais ou superiores aos dos países ricos, para que dêem o exemplo baixando os seus chorudos vencimentos e prescindindo das dezenas de milhares de contos de prémios anuais?
A
Etc, etc,...
A
Não, ninguém ouviu!
A
Ouviu-se agora o Sr. Vítor para fazer um frete ao seu amigo Sócrates porque este fez promessas que não eram para cumprir e agora era preciso desenrascá-lo dizendo que «isto está pior do que sepensava».
A
No País mais pobre da U.E., com os mais baixos salários de todos, com mais de 2 milhões de pobres e 200 mil com fome e o maior fosso entre os 20% mais ricos e os 20% mais pobres nas estatísticas da U.E., o governador do Banco de Portugal apenas tem o papel triste de apelar para aos que já estão sobrecarregados de impostos que paguem ainda mais.
A
Sr.Vítor, ao menos seja coerente, apele publicamente aos governos que, devido à crise, o seu salário de vários milhares de contos mensais, seja diminuído..."
_________________________

Eu acrescentaria mais este bocadinho:

"Alguém ouviu o Sr. Vítor a pronunciar-se quanto ao totonegócio?

Alguém ouviu o Sr. Vítor a pronunciar-se sobre as dívidas da Sra. Pires, só em Contribuições Autárquicas dos Armazéns Grão-Pará? "

(Não sei porquê, mas lembrei-me outra vez da frase...)

Esta vida é uma Soda! - Fócrates

Beijo-vos a TODOS, J.

(... é que o Fócrates deixa-me a pensar na pequena progressão de carreira por que tanto anseio há tanto tempo...

... também estará sodida?)

sexta-feira, maio 20, 2005

"Posts" pedidos! Bom dia?...

"- Posso dizer a frase?"
"- Sim, claro!"
"- Se, num Blogue, várias vezes comentar, o dono vai, COM CERTEZA, em mim reparar!"
"- Posso pedir o post?"
"- Ora, então, vamos a isso?"
"- Eu queria aquele de descobrir as diferenças..."
"- Certo! É já a seguir! É qu'é já... a seguir!"
"- Posso dedicar o post?"
"- Claro!"
"- Então... é p'ra dedicar ao pessoal do meu Blogue e arredores, com beijinhos prá Tina-Desdentada, prá Micas-Gorda, pró Nelo-Marreco e... ah, e também pró Tóno-Fanhoso, que sem ele nada disto era possível!"
A
(momento de patrocinadores)
Google - Images Search
PhotoImpression
hello from Picasa

(momento de publicidade)
Tenh'um cabelo original, depois do shampoo fic'horrível!
Há sempr'algo a correr mal, quand'eu faç'o melhor possível!

A pedido do nosso Simpáctico comentador Anónimo, com um sentido de humor de 5 estrelas, aqui vai:

Descubra as diferenças:

(... ou não!...)

looooolllllllll

Beijo-vos a TODOS, J.

(... Obrigada, Anónimo! Volte SEMPRE!!! E, já agora,... identifique-se! ;o))

terça-feira, maio 17, 2005

Nas formações... Gritar!... Gritar!...

Mais um e-mail com lugar aqui:
A
Obrigada, Ana Marta! ;o)
____________________________
Jornal "Expresso" - em 12/Maio/2005

Gritando no escuro...
A
Não, não é uma cena de filme de terror. É difícil de acreditar, mas foi o que acabou de se passar numa acção de formação de professores ontem em Lisboa, na Casa Pia.

Duas senhoras fizeram uma análise astral dos presentes e chegaram à conclusão que havia uma falta de «elementos terrenos». Então, para compensar essa evidente deficiência e criar «energias positivas» na sala, pediram aos professores que se descalçassem, de forma a ficarem em contacto mais directo com o solo. No escuro, aumentando o efeito de comunhão com «a Terra», os formandos, de olhos fechados, foram incitados a gritar, com os braços erguidos, para criar energias positivas que se propagassem pelo grupo.

As monitoras explicaram, imperturbáveis, que essa técnica podia ser aplicada nas aulas e ser benéfica para os alunos. Explicaram outras coisas, também. Uma senhora «graduada em astropsicologia», em simbiose com uma outra, que se apresentava como «terapeuta holística e energética», deram várias «dicas» para melhorar o ambiente da sala de aula. Explicaram que, nos exames, seria bom que os alunos vissem objectos de cores azuis e vermelhas. E discutiram as cores que são mais benéficas às diversas aprendizagens. Azul e amarelo para língua materna, como toda a gente sabe, e verde para as ciências. Pois claro...

Explicaram também como se podia fazer a «leitura e limpeza da aura» e mostraram gestos que se podiam praticar nas costas dos alunos, sem lhes tocar e sem eles repararem, mas que teriam um impacto extraordinário na sua «aura». Como isso é importante para o sucesso no ensino! Que estranho que não seja mais usado...

Custa a crer, mas tudo isto se passou num seminário que se intitulava «Dicas para ser melhor professor(a)» e que foi promovido pela Pró-Ordem dos Professores. É um dos «seminários alternativos que têm todo o cabimento», como o defendeu o presidente da dita Pró-Ordem, que disse estar assim a contribuir «indubitavelmente para a melhoria do desempenho da profissão docente».

Tudo isto é inacreditável, mas sente-se o leitor para o que segue. É que, para assistirem, os professores foram dispensados de serviço, sem penalização no salário. Mas os alunos ficaram sem aulas. Tudo ao abrigo da lei. Pergunta-se porque há insucesso escolar. Não seria de começar pelo insucesso no sistema de formação de professores?



Nuno Crato
11:10 12 Maio 2005
____________________________
A
A parte que eu mais gosto é a dos gestos atrás das costas dos alunos sem que eles reparem!
A
É que esta técnica já eu, de vez em quando, pratico com alguns!
A
E, acreditem:
resulta mesmo!!!
A
Efectivamente, tem um impacto extraordinário na aura!... só que na minha!
A
(Vale obscenos, não vale?)
A
looooolllllllll
A
Beijo-vos a TODOS, J.
A
(... com estas «Dicas para ser melhor Professor(a)»! :o) Está tudo maluco! Só pode!...)

domingo, maio 15, 2005

Women... - Part II

But ... then again...
A


Damn... We're good!!!

A

looooolllllllll
A

Beijo-vos a TODOS, J.

(... repetitiva, não? É que tenho cópia de TUDO... :o))

P.S.: Pois de cada vez que alguém de fora apagar daqui, seja o que for, volta tudo a aparecer!

Este blogue é democrático:

AQUI, quem decide SOU APENAS EU!!! ;o)

sábado, maio 14, 2005

Ter inveja da Mulher, dá nisto...


Inveja [Do Latim invidia] sd
1 - Desgosto, ódio, ou pesar por prosperidade ou alegria de outrem.
2 - Desejo de possuir ou gozar algum bem que outrem possui ou desfruta.
3 - O objecto que provoca esse desejo.
_________________________

Um homem estava extremamente triste e desencorajado de ter que se levantar todas as manhãs para ir trabalhar, enquanto a mulher ficava em casa sem fazer nada.

Querendo que ela soubesse o quanto custa ir cada dia trabalhar, ele fez o seguinte pedido:

"Meu Deus, eu vou trabalhar todos os dias durante 8 horas, sem contar com as filas de trânsito para ir e vir, que me ocupam 3 horas...Tudo isto, enquanto a minha mulher fica em casa! Eu queria que ela soubesse o quanto eu sofro...Você poderia trocar os nossos corpos para que ela compreendesse o meu Calvário?"
A
O Bom Deus, na sua infinita bondade, concedeu- lhe o pedido e no outro dia de manhã, o homem acordou, mas trocado em mulher. Então ELA (ele)...

1. Preparou o café da manhã para a família;
2. Acordou as crianças;
3. Preparou as roupas para a escola;
4. Deu-lhes de comer;
5. Preparou-lhes o lanche para levarem para a escola;
6. Levou-as à escola;
7. Passou pela lavandaria na volta para casa;
8. Passou pelo banco;
9. Parou no supermercado para algumas compras;
10. Voltou para casa para desembalar e arrumar as compras;
11. Recebeu o correio e pagou algumas contas;
12. Preparou o almoço;
13. Comeu sozinha em 10 minutos;
14. Limpou e arrumou os quartos e deu banho ao cachorro;
15. Pôs roupa a lavar;
16. Aspirou, limpou o pó e lavou o chão;
17. Foi a correr buscar os filhos à escola e aturou os gritos deles dentro do carro;
18. Deu-lhes qualquer coisa para lanchar;
19. Mandou-os fazer os deveres escolares;
20. Passou a roupa a ferro, enquanto via um pouco de televisão;
21. Começou a descascar as batatas e lavou os legumes para a salada;
22. Preparou a carne e uma torta de maçãs para a sobremesa;
23. Serviu o jantar, depois limpou a mesa e a cozinha;
24. Lavou a louça;
25. Apanhou a roupa suja de uns e outros que estava espalhada;
26. Deu banho aos filhos e colocou-os na cama, e...
27. Às 22:00h, ela estava muito cansada, mesmo com os trabalhos do dia não terminados. Ela foi, portanto, para a cama, onde o marido a esperava para fazer amor... o que ela fez, com entusiasmo.

No outro dia de manhã, ELA (ele) levantou-se, pôs-se de joelhos próximo da cama, e rezou:
A
"Meu Deus, eu não sei como pude pensar tão mal...Eu estava enganado por ter inveja da minha mulher que ficava em casa...Por favor, Fazei com que nós possamos cada um retomar aos nossos corpos originais."
A
O Bom Deus, na sua infinita bondade, respondeu:
A
* "Meu filho, Eu creio que tu aprendeste a lição, e ficarei muito feliz, em restabelecer as coisas, tal e qual como estavam antes, mas é preciso esperar 9 meses... É que tu ficaste grávido ontem à noite!!!"

A
_________________________
A
looooolllllllll
A

Beijo-vos a TODOS, J.
(...um cadichito feminista! Mas só uma vez, sem exemplo!... ;o))

sexta-feira, maio 13, 2005

Mi querida Cuba...

Mais uma que é só rir! E que tinha MESMO que vir para aqui!
A


Obrigada, Jorge!
_________________________
A
Um grupo de cubanos abandona a ilha rumo a Miami. No meio da viagem, um dos cubanos, o mais velho, sofre um ataque cardíaco e pede como último desejo uma bandeira para se despedir da sua querida Cuba.
A
Os outros começaram a procurar em bolsas, sacolas e em todos os lugares onde pudesse estar guardada uma bandeira de Cuba.
A
Depois de algum tempo, deram-se conta de que não havia nenhuma bandeira de Cuba no barco.
A
Nisto, uma jovem de vinte anos, vendo o sofrimento do velhote, disse que tinha mandado tatuar no traseiro a bandeira de Cuba e ofereceu-se para ajudar.
A
A mulher virou de costas para o moribundo, baixou as calças e mostrou o rabiosque com a bandeira tatuada.
A
O velhote agarrou a jovem com força e beijou a bandeira, emocionado, enquanto gritava:
A
"- Mi querida Cuba, me despido con recuerdos, mi vieja Havana, mi linda tierra!"
A
O velhote continuou com beijos e mais beijos na bandeira, até que, em lágrimas, disse à jovem:
A
"- Ahora vira de friente, que quiero despedir-me de Fidel!!!"
_________________________
AAA
looooolllllllll
A
Beijo-vos a TODOS, J.
(...hoje, numa de lições de patriotismo! ;o))

quarta-feira, maio 11, 2005

Truly Astonishing...

Bryan Adams - Let's Make A Night To Remember
































I love the way ya look tonight
With your hair hangin' down on your shoulders
I love the way ya dance that slow sweet tango
The way ya do everything but talk

And how ya stare at me with those undress me eyes
And your breath on my body makes me warm inside

Chorus

Let's make out - let's do something amazing
Let's do something that's all the way
Cuz I've never touched somebody like the way I touch your body
Now I never want to let your body go...

Let's make a night - to remember
From January - to December
Let's make love - to excite us
A memory - to ignite us

Let's make honey baby - soft and tender
Let's make sugar darlin' - sweet surrender
Let's make a night - to remember - all life long

I love the way ya move tonight
Beads of sweat drippin down your skin
Me lying here - you lyin' there
Our shadows on the wall and our hands everywhere

Chorus

I think about ya all the time
Can't you see you drive me outta my mind
Well I'm never holdin' back again
Ya I never want this night to end
Cuz I've never touched somebody like the way I touch your body
Now I never want to let your body go...


Beijo-vos a TODOS, J.
(... em especial, a quem apanhar esta como destinatário do recado! ;o) )

quarta-feira, maio 04, 2005

Women... - Part I

Fragile - Sting

If blood will flow when flesh and steel are one
Drying in the colour of the evening sun
Tomorrow's rain will wash the stains away
But something in our minds will always stay

Perhaps this final act was meant
To clinch a lifetime's argument
That nothing comes from violence
and nothing ever could
For all those born beneath an angry star
Lest we forget how fragile we are

On and on the rain will fall
Like tears from a star
Like tears from a star
On and on the rain will say
How fragile we are
How fragile we are

On and on the rain will fall
Like tears from a star
Like tears from a star
On and on the rain will say
How fragile we are
How fragile we are

How fragile we are
How fragile we are
































Beijo-vos a TODOS, J.
(... trying to defeat fragility... as usual! ;o))

domingo, maio 01, 2005

Dia da(s) Mãe(s)

A TODAS as Mães que hoje passam por aqui...
...um dia MUITO feliz!!!
A
Beijo-vos a TODAS, J.
(Homens: apesar de também devermos este dia a vós, desculpem-me mas hoje ficam de fora!... ;o))